Buscar

Como um coworking pode impactar nas contas de uma empresa e para quem é indicado

O coworking é um modelo de trabalho tão inovador que vem se espalhando pelo mundo todo de maneira surpreendente. O termo que surgiu lá em 2009 tinha como objetivo estender o ambiente de trabalho por meio online e hoje é o que todos nós conhecemos.

Só no Brasil, de acordo com o Censo Coworking Brasil, o mercado de escritórios compartilhados cresceu 52% em 2016 e teve uma alta de 114% em 2017.

A maneira como as pessoas estão encarando o trabalho mudou completamente e a vontade de empreender, assim como ter a liberdade de experimentar novas experiências, se tornou prioridade para a maioria delas.

Agora, vamos falar sobre como o coworking pode impactar positivamente as contas de uma empresa e para quem este modelo de trabalho é indicado. Confira!

Impacto do coworking nas contas de uma empresa

O valor que o coworking agrega a vida do profissional é incalculável. A experiência adquirida no escritório e o networking que existe, empresas e profissionais têm chances reais de fazer novos negócios e levar a sua empresa para outro nível.

Como isso é possível? Você vai lidar com profissionais de diferentes áreas e muitos deles poderão se tornar seus amigos, clientes, fornecedores e quem sabe até fechar uma parceria para um grande projeto.

Sem contar a grande economia que será feita em relação aos gastos conectados ao aluguel de um escritório tradicional nas grandes metrópoles.

Nesse caso é necessário colocar no papel gastos com água, luz, telefone, internet, taxas da prefeitura, licenças, limpeza... São diversas despesas que você terá que lidar, sem citar a contabilidade para cuidar de tudo isso.

Sendo assim, ao optar pelo coworking, o valor que seria gasto com todas as despesas desse espaço você poderá aplicar no crescimento da sua empresa.

Logo, o impacto do coworking nas contas de uma empresa é bastante positivo e as chances do seu crescimento profissional ou da sua empresa são reais.